Jogos das Escolas Católicas de Juiz de Fora

Evento esportivo envolve Colégios Católicos de Juiz de Fora

A Pastoral da Educação da Arquidiocese de Juiz de Fora promove, entre os dias 20 e 24 de maio, a primeira edição dos Jogos das Escolas Católicas de Juiz de Fora. Seis das 11 instituições ligadas à pastoral participarão: Colégio Academia, Nossa Senhora do Carmo, Jesuítas, Santa Catarina, Santos Anjos e Stella Matutina.

Os alunos dos 8º e 9º anos, nascidos em 2005 e 2006, disputarão as modalidades handebol feminino e futsal masculino. Quatro escolas sediarão os jogos, que acontecerão sempre na parte da tarde. A solenidade de abertura será realizada na segunda-feira (20), às 19h, no Colégio Santa Catarina. Esta escola também sediará as finais, previstas para o dia 24 (sexta-feira), a partir das 14h.

Objetivos

Segundo o regulamento geral, os Jogos têm a finalidade de “promover a integração entre alunos e educadores dos Colégios Católicos, dando oportunidade de participar de um evento esportivo em uma comunidade que aprova os valores do Evangelho, de modo que possam desenvolver sua autonomia e senso crítico”. Entre seus objetivos, estão o de reforçar, nos participantes, a capacidade de superação, o espírito de equipe, o compromisso, a liderança e a nobreza competitiva.

O documento ainda aponta o esporte como um “fenômeno social” que “reproduz os valores presentes na sociedade”. E ainda indica que “participar de um evento esportivo é uma grande oportunidade de se contextualizar a aprendizagem de valores que possam gerar atitudes coerentes com o que se espera de alunos participantes de uma formação cristã”.

O idealizador do evento, Daniel Ribeiro, explica que os Jogos das Escolas Católicas seguem o exemplo dos gregos - que inventaram os Jogos Olímpicos em 2.500 a.C. para homenagearem os deuses, principalmente Zeus. “Além da religiosidade, eles buscavam, através dos Jogos, a paz e a harmonia entre as cidades que compunham a civilização grega, a valorização dos esportes e a manutenção de um corpo saudável. Atualmente, as Olimpíadas são uma forma de promover a união entre os povos. Então, o que motiva a realização desses Jogos das Escolas Católicas é unir o ideal de Cristo ao esporte, promovendo principalmente três objetivos: o cívico, que é promover a amizade, a união, a fraternidade entre os estudantes, educadores e as famílias das escolas; o religioso, que é fazer uma homenagem a Jesus Cristo, nosso Senhor; e a solidariedade”. Na abertura do evento, serão recolhidos alimentos não-perecíveis a serem doados para instituições de caridade.

Bênção do arcebispo

Em mensagem aos colégios católicos, seus diretores, professores, funcionários e alunos, o arcebispo metropolitano de Juiz de Fora, Dom Gil Antônio Moreira, afirma o desejo de que esses sejam os primeiros de muitos outros Jogos. “Envio especialíssima bênção a todos os jovens dos vários colégios que, com suas sadias disputas, serão agraciados com o desenvolvimento das boas relações entre as pessoas, crescendo de forma bem integrada em ‘estatura, sabedoria e graça, diante de Deus e dos homens’, como se refere o autor sagrado em relação a Jesus quando contava seus doze anos (cf Lc 2, 51)”.

Dom Gil ainda ressalta a oportunidade de amadurecimento que surge do evento esportivo. “Sejam momentos de alegria e confraternização entre as várias escolas, certos de que, mais importante que vencer, é competir fraternalmente, como pessoas que querem sempre o melhor para todos os seres humanos que a vida aproximou”.

Stella Matutina - 2008 - Todos os direitos reservados
Av. Presidente Itamar Franco, 905 - Centro - Juiz de Fora - Minas Gerais | Tel. (32) 3215-1035